quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Afastamento necessário

Nós, católicos, precisamos começar a nos afastar lenta, cuidadosa e deliberadamente da sociedade civil. Já chegou a hora. Já está evidente, gritante mesmo, para quem quiser ver. A sociedade pós-moderna não tem lugar para gente como nós. Ela tem, isto sim, um tremendo desprezo por nossos valores. Somos chamados de preconceituosos e fanáticos a todo momento porque não confirmamos os outros em seus pecados. O silêncio que nos é imposto não basta; para eles, nós temos que nos submeter. Que ninguém se engane: estamos em guerra contra o Espírito da Época. Temos de empurrar de volta pelo menos com a mesma força com que estão nos empurrando. Não há nada anticristão nisso. E é também interessante começar a perceber que estamos vivendo e presenciando o desaparecimento de uma era. As sombras cresceram à medida que o sol se punha no Ocidente. Precisamos nos preparar para a noite longa e fria que se anuncia.