terça-feira, 4 de junho de 2013

Papolatria

Esses mesmos papólatras, leigos ou não, que saem correndo para apagar o fogo toda vez que um Papa mal formado pronuncia uma besteira, ainda presos mentalmente a uma interpretação idiota da infalibilidade que só nos faz a nós, católicos, motivo de chacota em todo o orbe terrestre, serão os primeiros a o apoiarem quando um dia ele pronunciar as heresias que irão clara e diretamente contra os dogmas mais básicos de nossa fé, contra a moral cristã e contra a caridade, nos tempos do Anticristo. Utilizarão argumentos sutilíssimos na defesa de seu idolatrado, abrindo sobre a mesa tomos empoeirados de concílios antiquíssimos para provar que tudo que se propõe em nada contradiz o que sempre se creu; e as vacas de presépio da época balançarão suas cabeças ocas, babando, ruminando essa excrescência teológica como se sabedoria fosse, e se precipitando alegremente no abismo mais próximo com mugidos atrozes.