segunda-feira, 13 de maio de 2013

Claude Debussy e os russos

Debussy foi de início influenciado pelos russos, tendo até mesmo trabalhado para a mecenas de Tchaikovsky, Nadejda von Meck. É interessante notar que os franceses precisaram dos russos para fugir da influência alemã e criar sua própria versão do Romantismo tardio, que eles chamaram de Impressionismo; e também que desta forma redescobriram a si mesmos e uma tradição romântica francesa meio esquecida provinda de Berlioz, que influenciou toda a música russa depois que por lá passou. Também é interessante que na própria Rússia a música de Debussy não teve muita influência; o único compositor russo cujas pesquisas composicionais se assemelham às de Debussy é Scriabin, que não precisou do francês para descobrir novas relações sonoras e expandir a fronteira harmônica de sua época.